quinta-feira, 26 de junho de 2014

Copa 45 e 46: Alemanha 1 x 0 EUA e Portugal 2 x 1 Gana

Não, não ocorreu o temido jogo de comadres que se suspeitava para Alemanha e EUA. Na verdade, foi um jogo e cenário parecido com o visto ontem em França x Equador. Praticamente sem obrigação esportiva, os alemães jogavam para provar seu valor, manter ritmo de jogo e, no segundo tempo, tentar ajudar Klose a quebrar o recorde de gols em Copas. 
Os germânicos foram melhores o tempo todo. Buscaram o gol e foram objetivos, mas pouco eficientes. O primeiro tempo teve poucas chances reais, e mais boas defesas do bom goleiro Howard. Ocasionais contraataques americanos eram centrados em Dampsey, sempre. 
Com Klose no lugar de Podolski no segundo tempo, o time melhorou, curiosamente, no meio campo. Não notei o que mais foi mudado no time, mas a marcação melhorou e os americanos não fizeram mais nada em campo, sendo completamente anulados. Em uma cobrança de escanteio, a sobra ficou com Müller, que definiu o placar. É seu 4o gol na Copa, 9o somando-se a Copa de 10, e o moleque tem apenas 23 anos. Vai longe esse.

Vi um compacto de 7 minutos de Portugal x Gana. Só deu Portugal. 
Mesmo o primeiro gol tendo sido contra (autogol, como se diz por lá), haviam sido diversas chances antes do gol, quase sempre com Cristiano Ronaldo. Necessitando golear, os portugueses seguiram pressionando até o final do 1o tempo e início do 2o. 
Em uma jogada fortuita, os africanos empataram. Com o placar favorável aos alemães no outro jogo, uma virada daria a vaga a eles, que se animaram e foram ao ataque. A pressão durou pouco, Portugal retomou as ações e, em uma falha da defesa, Cristiano Ronaldo marcou e deu números finais ao placar. 
Foi o único gol dele nesta Copa, 2o somando-se todas. Nesse ritmo, alcançará Ronaldo, o original, em 2066. Certamente grisalho, mas com corte e penteado impecáveis, tenho certeza.

3 comentários:

  1. O C. Ronaldo também marcou um gol na copa de 2006, portanto tem 3, um em cada Copa.

    Não sou fanboy, é fato que ele falhou em alguns momentos importantes da carreira. Mas só consigo considerar fraudes tipos como o Robinho, que prometem muito e vão parar na reserva de um dos piores Milans da história. Acho injusto esperar que ele leve uma seleção fraca como a de Portugal nas costas, ainda mais machucado (também esteve baleado na final da Champions esse ano). É muito, mas muito provável que sem ele o Real Madrid não tivesse ganho NENHUM título desde 2009, pois teve pela frente nada menos que o melhor Barça (2008 - 2012) e, possivelmente, o melhor Atlético de Madrid de todos os tempos.

    P.s.: sim, taí um que vai levar o cabelo im-pe-cá-vel até o jazigo!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Tem razão, Binho.
      Preciso atualizar a conta para 2062, portanto...

      Excluir
    2. Sim, seria mais justo hahaha

      Excluir